Blog Foliculite

Pelo encravado na virilha: o que é, diagnóstico e tratamento

publicado em 23/10/2020

Os pelos encravados são os que voltam a crescer na pele por uma curvatura. Esse fenômeno pode ocorrer em qualquer lugar onde sejam encontrados pelos corporais. Logo, o pelo encravado na virilha é realmente bem comum.

Para ajudar você a entender mais sobre o pelo encravado na virilha, eu preparei o artigo de hoje sobre o assunto. Ficou interessada em saber mais? Então acompanhe comigo agora mesmo!

O que são pelos encravados?

Em muitos casos, as causas dos pelos encravados residem na depilação anterior por gilete, pinça ou cera.

Os especialistas entendem que um pelo encravado é o crescimento de pelos corporais na pele. Em crianças, o pelo encravado quase nunca ocorre. Em adultos, as pessoas que tendem a ter pelos grossos e encaracolados são particularmente afetadas.

Isso é particularmente predestinado para o crescimento curvo após a remoção do pelo, o que pode levar ao crescimento interno. De fato, os pelos encravados tendem a aparecer em partes do corpo onde muitas pessoas removem os pelos naturais.

Nos homens, a área do rosto e pescoço são frequentemente afetadas. Em ambos os sexos, as axilas, bem como a região genital e anal. Bem como ocorre com frequência o pelo encravado na virilha.

Além da irritação da pele, que é acompanhada por vermelhidão e coceira, os pelos encravados podem causar inflamação purulenta.

Causas do pelo encravado na virilha

Como já citei no início, entre muitos casos, as causas dos pelos encravados residem na depilação anterior.

De fato, quando um pelo é removido, o outro que cresce de volta tem uma borda mais afiada do que o anterior. Esse fato torna mais fácil curvar e crescer na direção errada.

Se o pelo ficar preso sob a superfície da pele e continuar a crescer ali, ocorre a irritação típica. As células mortas da pele são outra causa possível.

Elas obstruem o folículo piloso, forçando o pelo a crescer torto. Os pelos encravados também podem ser atribuídos a uma superprodução de certos hormônios sexuais. Isso pode levar ao aumento do crescimento do pelo e, portanto, a um risco maior de alguns deles encravarem.

Diagnóstico e curso

O pelo encravado na virilha geralmente pode ser diagnosticado pela pessoa afetada, pois leva a vermelhidão da pele, coceira e inchaços com pus.

Se uma pessoa afetada com esses sintomas visitar um médico, ele examinará a região do corpo com uma lupa e, assim, identificará claramente os pelos encravados.

Na maioria dos casos, exames adicionais não são necessários. A inflamação causada por pelos encravados é inofensiva, mas pode ser muito desconfortável e também pode causar mais dor.

Além disso. ele poderá desaparecer por conta própria após alguns dias ou meses. Se a pessoa em questão coçar fortemente a área inflamada, podem ocorrer cicatrizes permanentes.

Em pessoas de pele escura, a inflamação geralmente deixa uma mancha na respectiva área, que também é passível de ser clareada.

Complicações

Segundo Drauzio Varella, pelos encravados podem causar inflamação, que na maioria dos casos é inofensiva. No entanto, um curso desagradável com dor leve a forte e possivelmente outros riscos também é concebível.

Como já citado, coçar a área inflamada também pode causar cicatrizes inestéticas e possivelmente permanentes.

As pústulas, que geralmente se formam sobre ou ao redor de um pelo encravado, geralmente cicatrizam por conta própria após um curto período de tempo.

Mais raramente, o folículo piloso do pelo encravado é fortemente irritado por estafilococos (tipo de bactéria). A consequência, no entanto, é sempre uma inflamação dolorosa da área circundante da pele / tecido. Isso, por sua vez, pode causar fervura, abscesso ou até mesmo envenenamento do sangue (sepse).

Se tal desenvolvimento ocorrer, o uso de antibióticos é necessário para neutralizar a propagação com outras consequências para a saúde.

Se o tratamento com antibióticos não funcionar, a última alternativa é uma pequena incisão que permite que o pus que se formou sob a superfície da pele seja drenado.

Por mais inofensivo que pareça um pelo encravado na virilha à primeira vista, as complicações de saúde podem ser sérias.

pelo encravado na virilha

Como evitar que isso aconteça?

Independente da área, é importante que você previna o aparecimento de pelos encravados. Para isso, todo o cuidado é pouco. Sofrer com pelos encravados e foliculite não é algo agradável, por isso é importante buscar soluções que amenizem o problema.

O Tend Skin é um cosmético autorizado pela ANVISA e que já faz muito sucesso por todo o mundo e também no Brasil. De fato, em apenas uma semana de tratamento é possível ver os primeiros resultados.

Vendido em mais de 20 países, esse tratamento pode ser aplicado em qualquer região do corpo que tenha pelos encravados.

Se você deseja conhecer mais sobre o produto, clique aqui e obtenha mais informações! Gostou de saber mais sobre os pelo encravado na virilha? Então não deixe de acompanhar os demais artigos do blog, tenho muitas outras matérias sobre o assunto para você!

Acesse nossa Loja Virtualclique aqui para ver todos os produtos
Cadastre-se e receba novidades.
COMPARTILHE:
WhatsApp chat