Blog Foliculite

Como tratar pelo encravado inflamado

publicado em 23/02/2022

Qualquer um pode ter pelo encravado inflamado, sendo que eles podem aparecer em várias áreas do corpo. Caso aconteça, você saberia como tratar pelo encravado inflamado?

 

Em geral, eles aparecem na região da barba, principalmente no rosto, pescoço e nuca, mas também nas pernas, axilas, nádegas e virilha.

 

Isso costuma acontecer quando o pelo não consegue sair do folículo piloso ou romper a camada de queratina que se acumula na epiderme

 

Como o processo de crescimento não é impedido, esse pelo entorta e para dentro e continua crescendo debaixo da pele.

 

O organismo reage como se fosse um corpo estranho, produzindo uma resposta inflamatória, chamada foliculite, que provoca feridas avermelhadas que coçam e deixam a pele dolorida.

 

Pessoas que possuem pelos mais grossos e encaracolados, ou que tenham poros estreitos ou cicatrizes na pele ficam mais suscetíveis.

 

Mas fique tranquilo, há tratamento e como evitar. Saiba mais sobre o assunto abaixo!

Afinal, o que é um pelo encravado inflamado?

Os pelos exercem um papel importante no corpo: auxiliam no isolamento térmico e protegem o organismo de agressões externas. 

 

Basicamente, eles são constituídos de queratina, uma proteína que garante a resistência, elasticidade e impermeabilidade ao fio, bem como células mortas acumuladas e compactadas na epiderme. 

 

Os pelos nascem dentro do folículo piloso, sendo formados pela raiz implantada na derme (camada intermediária) e a haste, porção que se projeta para fora da pele.

 

Já um pelo encravado inflamado, ele é um fio que cresce “para dentro”, quando não consegue sair do folículo “para fora” da pele.

Causas para o aparecimento do pelo encravado inflamado

Os pelos encravados podem surgir e inflamarem em qualquer área do corpo que contenha pelos, como a região da barba(rosto e pescoço), a virilha e axilas, além de locais que tenham cicatrizes. 

 

Mas as causas para a ocorrência de pelos encravados inflamados podem variar bastante. 

 

Isto é, desde uma obstrução do folículo por conta do atrito com as peças de roupa ou pela lâmina de barbear, falta de higiene, acúmulo de células mortas ou por causa de lesões cutâneas.

 

No entanto, uma das causas mais comuns para o aparecimento do pelo encravado inflamado está associada à maneira incorreta de se depilar, seja através de cera quente, fria ou lâmina de barbear.

 

Outros fatores que também podem contribuir para a ocorrência de pelo encravado inflamado são:

 

  • Excesso de oleosidade na pele;