Blog Foliculite

Cetoconazol é eficaz para foliculite?

publicado em 23/02/2022

Te indicaram o Cetoconazol para foliculite? Confira se ela é eficaz para o seu caso e, caso não seja, veja outras opções interessantes.

 

Os cuidados com a saúde física, incluindo a pele, são importantes para garantir uma qualidade de vida melhor. 

 

Portanto, se você está sofrendo de problemas na pele como caspas, dermatite, micose ou até foliculite, você precisa entender para que serve esse medicamento.

 

Em diferentes formatos e tipos de uso, o Cetoconazol é indicado para o tratamento de doenças e combater infecções de pele, inclusive do couro cabeludo, quando causadas por fungos.

 

O medicamento está disponível na forma de comprimido, creme e shampoo, mas deve ser indicado de acordo com a natureza, agente causador da doença e local.

 

Portanto, para garantir a sua eficácia, ele deve ser prescrito pelo médico especialista, que vai determinar a causa da foliculite, dosagem e o tempo de tratamento, a fim de evitar efeitos colaterais.

 

Saiba mais sobre o Cetoconazol para foliculite abaixo!

O que é o Cetoconazol?

O Cetoconazol é um medicamento à base de uma substância de mesmo nome, que inibe a produção natural (biossíntese) de ergosterol, um esteróide fundamental para a sobrevivência e multiplicação de fungos no organismo.

 

Além disso, ele altera a composição de outros componentes lipídicos na membrana. Ou seja, ele possui ação fungicida (destrói fungos) e fungistática (impede o crescimento dos fungos).

 

Por isso, o medicamento é muito utilizado para tratar infecções e lesões na pele causadas por fungos.

 

Confira se vale a pena o uso do Cetoconazol para foliculite abaixo.

Indicações da pomada Cetoconazol

O Cetoconazol é indicado para o tratamento de algumas infecções graves na pele causadas por fungos, como por exemplo:

 

  • micose do couro cabeludo ou de unha; 
  • candidíase mucocutânea crônica; 
  • foliculite por Malassezia pachydermatis sp (um tipo de fungo);
  • dermatite seborreica (caspa).

Contraindicações

O Cetoconazol é um medicamento eficaz para o tratamento de infecções de pele causadas por fungos, mas possui algumas contraindicações.

 

Veja a seguir:

 

  • Grávidas e lactantes NÃO devem usar;
  • Não deve ser usado por quem possui hipersensibilidade (alergia) à substância ou aos excipientes da formulação; 
  • Contraindicado para crianças que pesam menos de 15 kg; 
  • Pacientes que sofrem de doença do fígado não devem usar o medicamento. Caso utilizem, é preciso ficar atentos a sintomas de inflamação do fígado, como: falta de vontade de comer, enjoo, vômito, cansaço anormal, pele amarela (icterícia), branco dos olhos amarelado, dor na barriga ou urina escura.

 

Mas afinal: o Cetoconazol para foliculite funciona em qualquer caso? Confira abaixo!

Tratamentos para foliculite

A foliculite é uma doença de pele que possui causas e tipos, dependendo da região onde ocorre. Por isso, não há uma única forma de tratar a condição.

 

Portanto, o tratamento para foliculite vai depender destes fatores todos, bem como do estágio da inflamação.

 

Isso significa que cada tipo de foliculite exige um tratamento diferente e específico, que pode variar entre mudanças de hábitos de higiene até uso de medicações como antibióticos, antifúngicos orais e/ou tópicos, ou uma combinação de ambos. 

 

Os casos de foliculite superficiais costumam melhorar com o uso de pomadas para foliculite, cremes e loções calmantes para alívio dos sintomas de coceira, ou simplesmente é possível evitar a depilação, dependendo da área acometida.

 

De qualquer forma, recomenda-se consultar um dermatologista para prescrever o melhor tratamento para foliculite para cada caso em específico, e que seja tratada assim que aparecerem os primeiros sintomas, para evitar que a inflamação aumente e atinja outras regiões.

Afinal: Cetoconazol é eficaz para foliculite?

Como dito anteriormente acima, o Cetoconazol é um medicamento muito eficaz, indicado para o tratamento de doenças de pele causadas exclusivamente por fungos.

 

No caso da foliculite, ele seria apenas indicado para tratar a foliculite do couro cabeludo, causada pelo fungo Malassezia, e não por bactérias. 

 

Portanto, seria preciso um diagnóstico do agente causador da foliculite antes de utilizar o produto.

Cetoconazol para foliculite capilar

A foliculite no couro cabeludo é um tipo mais raro, que se manifesta pela proliferação de fungos ou bactérias no couro cabeludo, que podem provocar até a queda de cabelo acentuada (foliculite decalvante ou dissecante).

 

Quando a foliculite é causada por fungos, recomenda-se o uso de shampoo antifúngico, que contenha Cetoconazol na sua fórmula, por exemplo. 

 

Já se a foliculite for causada por bactéria, o ideal é aplicar um remédio para foliculite capilar com antibióticos, como Eritromicina ou Clindamicina.

 

Se você não sabe a causa da sua foliculite, temos uma opção melhor. Continue lendo!

Efeitos colaterais do cetoconazol

Além das contraindicações, é fundamental ficar atento aos efeitos colaterais que o medicamento possa provocar. Alguns são mais comuns, outros mais graves e raros. Os mais comuns são a seguir:

 

  • dor de cabeça (enxaqueca);
  • dor na região abdominal;
  • náusea;
  • diarreia;
  • função hepática anormal;
  • vômito.

Tipos de cetoconazol e como utilizar

A vantagem do Cetoconazol é as suas diferentes formas de uso, com aplicações tópicas ou orais, podendo ser adaptadas às variações de infecções pelo organismo e suas regiões. São elas:

Cetoconazol oral: comprimido 

A versão oral, na forma de comprimido do Cetoconazol, é mais utilizada para casos de infecções sistêmicas, ou seja, internas. Como por exemplo, blastomicose (retina), coccidioidomicose (pulmão), histoplasmose (pulmão e ossos).

 

O comprimido deve ser tomado durante uma das refeições diárias, com a ingestão de líquido. 

 

Já a dosagem e o tempo de tratamento vão depender do tipo de fungo e do local da infecção, podendo variar de 2 a 4 semanas. 

 

Em geral, pacientes adultos podem tomar um comprimido (200 mg) uma vez ao dia, podendo aumentar a dose para dois comprimidos, caso não haja resposta ou seja insuficiente, sempre uma vez ao dia.

 

As crianças, com mais de 30 kg, podem tomar um comprimido (200mg) uma vez ao dia, podendo aumentar para dois comprimidos (400mg), de uma só vez, diariamente. Já as crianças com peso entre 15 e 30 kg podem tomar apenas a metade de um comprimido (100 mg) por dia durante uma refeição.

Cetoconazol tópico: creme

A forma tópica em creme costuma ser mais indicada para micoses na unha, sendo aplicada diretamente na região afetada uma vez ao dia. 

 

O tratamento costuma durar cerca de duas semanas para começar a desaparecer as lesões. Mas o tratamento pode ser mantido por mais alguns dias após o desaparecimento dos sintomas e das lesões. 

 

Resultados mais favoráveis costumam aparecer após quatro semanas de tratamento, dependendo do tipo de micose, extensão e intensidade das lesões. 

Cetoconazol tópico: shampoo 

O shampoo à base de Cetoconazol costuma ser indicado para os casos de dermatite seborreica ou caspas, sendo eficiente no combate à irritação do couro cabeludo.

 

Ele pode ser aplicado duas vezes ao dia pelo período de um mês, deixando agir por 3 a 5 minutos antes de enxaguar.

 

Para a foliculite capilar, o shampoo à base de Cetoconazol pode funcionar, mas só se for causada por fungos.

Melhor opção para foliculite do que Cetoconazol

Dependendo do tipo de foliculite, há vários shampoos no mercado, loções, pomadas e até sabonetes para foliculite que prometem acabar com a doença. 

 

No entanto, muitos desses produtos não são específicos para o tratamento da condição.

 

Como o Cetoconazol só funciona para o tratamento da foliculite causada pelo fungo Malassezia, o ideal é um produto que atua independentemente da causa.

 

Como por exemplo, a loção americana Tend Skin, que é uma referência no mundo todo para tratamento da foliculite, pois atua de forma eficaz em todos os tipos de foliculite, independentemente da causa e local acometido.

 

Por isso, a marca Tend Skin é indicada pela maioria dos especialistas da área, por conta dos seus resultados positivos, em média, com até 7 dias de tratamento. 

 

A empresa segue atuando no mercado por mais de 30 anos, sempre de maneira específica e preventiva contra todos os tipos de foliculite. 

 

A loção pode ser aplicada em todas as áreas do corpo afetadas pela foliculite, inclusive no couro cabeludo!

 

Portanto, o tratamento para foliculite preferido pelos dermatologistas no momento é a loção Tend Skin!

 

Acesse nossa Loja Virtualclique aqui para ver todos os produtos
Cadastre-se e receba novidades.
Endereço de email inválido, favor corrigir.
Endereço de email já cadastrado.
The security code entered was incorrect
Agradecemos sua inscrição!
COMPARTILHE: